Série D: Flu de Feira sai em desvantagem pelo acesso ao perde para o Volta Redonda


flu
                    Foto: Francisco Carlos / Ag Haack / Bahia Notícias

O Fluminense de Feira sofreu um revés na briga pelo acesso à Série C do Campeonato Brasileiro. Dentro de um Joia da Princesa com 9.331 torcedores na tarde deste domingo (28), o Touro do Sertão não fez um bom jogo no segundo tempo e foi derrotado pelo Volta Redonda por 3 a 2 pelo jogo de ida das quartas de final da Série D. Osmar (contra) e Rafael Granja marcaram para os baianos, enquanto David, Marcos Junior e Dija Baiano balarançaram as redes a favor do Voltaço. As equipes decidem a vaga na terceira divisão no próximo sábado (3), às 18h, no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. O time de Feira de Santana precisa de um triunfo por dois gols de diferença. Em caso de vitória por um gol de margem, a equipe terá que marcar mais de três tentos para garantir o acesso.

Em perigo no Brasileirão, Vitória enfrenta o Coritiba com time misto pela Sul-Americana


vitoria

Não é segredo para nenhum torcedor rubro-negro que a Copa Sul-Americana não é a prioridade do Vitória na temporada. Por isso, o técnico Vagner Mancini vai escalar um time misto na partida das 21h45 contra o Coritiba, na Fonte Nova. O jogo de volta é no dia 31, em Curitiba. A decisão não é por desdém, mas por sobrevivência. Mal no Brasileirão, é no torneio nacional que o Vitória precisa focar. Com 23 pontos, o rubro-negro ocupa a zona de rebaixamento e usará todas as suas forças para sair dela. Não à toa, Mancini avisou que vai poupar algumas de suas peças em função do jogo das 18h30 de domingo, contra o América-MG, na Fonte Nova. A participação na Copa Sul-Americana não foi por escolha. O Vitória herdou a vaga. Fora da Copa do Brasil após ser eliminado pelo Cruzeiro, o rubro-negro ganhou espaço no torneio internacional porque alguns clubes que teriam direito a disputá-lo avançaram na Copa do Brasil e, com isso, foram automaticamente sacados da Sul-Americana.

Por ouro, cada jogador da seleção vai receber premiação de cerca de R$ 500 mil


O esperado ouro para a seleção masculina de futebol finalmente chegou – e os atletas que conquistaram o título inédito vão receber cerca de R$ 500 mil em premiação da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Ao todo, segundo o GloboEsporte, a entidade vai pagar cerca de R$ 12 milhões para os 18 atletas da campanha e a comissão técnica.

seleção

O valor é substancialmente maior do que o pago para atletas de outras modalidades. O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) decidiu pagar R$ 35 mil para atletas brasileiros que subissem ao pódio – independente da cor da medalha. Nos esportes coletivos, a remuneração é a metade, R$ 17,5 mil. Patrocinadores irão arcar com o valor.

A seleção conquistou o ouro no sábado, ao derrotar a Alemanha nos pênaltis, após empate por 1 a 1 no tempo normal e prorrogação. Ao todo, o Time Brasil teve 19 medalhas na Rio-2016, sendo sete de ouro, seis de prata e seis de bronze.

Série D: Juazeirense vence, mas não consegue classificação contra o Moto Club


juazeirense

O sonho do acesso para a terceira divisão do futebol nacional acabou para a Juazeirense neste domingo (21). Dentro do estádio Adauto Moraes, o Cancão de Fogo venceu o Moto Club por 1 a 0 no jogo de volta da 3ª fase da Série D, mas acabou superado no placar agregado, já que a partida de ida foi vencida pelo time do Maranhão por 3 a 1 (relembre aqui). O único gol do jogo foi feito pelo zagueiro Júnior Gaúcho. O time baiano terminou a sua participação com seis vitórias, dois empates e duas derrotas. *BN.

Usain Bolt dorme com ex-mulher de chefe do tráfico do Rio de Janeiro: ‘Não foi nada demais’


BOLT
                                   Foto: Reprodução / Instagram
O jamaicano Usain Bolt aproveitou bem o período das Olimpíadas no Rio de Janeiro.  O atleta deixou reforçou sua fama de pegador e dançou, beijou e saiu de uma boate carioca com a estudante Jady Duarte para um local em que pudessem ter mais intimidade. No último domingo (21), algumas fotos do encontro viralizaram nas redes sociais.
De acordo com o Jornal Extra, a brasileira tem 20 anos e afirmou ter publicado as imagens apenas em um grupo de amigas e não entendeu como se espalharam pela internet. “Só mandei e disse ‘só quem viu a Olimpíada vai saber quem é”, disse ela à publicação. Os dois estavam presentes na boate All In, na Barra da Tijuca nos camarotes do local. “Ele mandou um segurança me chamar, falamos rapidamente. Mas na hora nem sabia que ele era ele, porque eram muitos jamaicanos parecidos”, afirmou Jady.
Apesar de aceitar conceder a entrevista, a estudante não quis dar mais detalhes sobre a noite com o astro. “Não foi nada demais. Foi normal”, diz ela.  De acordo com ela não houve troca de telefones com Bolt, mas os dois passaram a se seguir no Instagram. Jady ainda afirmou que diferente do que ouviu falar de algumas pessoas, ela não recebeu dinheiro do atleta  e se arrependeu de ter tirado as fotografias. “Agora ele vai querer me matar. Deve estar pensando: porque fui fazer fotos com essa menina? Nunca quis ser famosa, estou morta de vergonha”, finalizou.
boltt
A carioca foi casada com Douglas Donato Pereira, conhecido no Rio de Janeiro como “Diná Terror”, ex-chefe do tráfico no morro Faz Quem Quer. O rapaz foi morto em março deste ano e era acusado da morte de Rayssa Christine Sarpi, de 18 anos, que foi filmada enquanto era torturada pelos traficantes comandados de Diná Terror. Ele também foi tido como responsável pela morte de outra jovem com mais de vinte tiros por vingança, já que seu namorado havia levado drogas do “Faz Quem Quer” para o Complexo da Maré.

No início do returno da Série B, Bahia se impõe e vence Avaí na Ressacada


11111

O Bahia começou muito bem o segundo turno do Campeonato Brasileiro da Série B. Na noite deste sábado (20), o Esquadrão se impôs no estádio da Ressacada, em Florianópolis, e venceu o Avaí por 3 a 0, pela 20ª rodada do certame nacional. Os gols do jogo foram marcados por Edigar Junio, Hernane e Tiago.
 Com o resultado, o Bahia chegou aos 28 pontos e subiu para a oitava posição. No próximo sábado (27), o tricolor enfrenta o Paraná, às 18h30, na Arena Fonte Nova.

Decisão de Neymar de abrir mão da braçadeira de capitão surpreende companheiros e ganha elogios de Micale


neimar

A decisão de abrir mão da braçadeira de capitão da seleção principal repercutiu. O técnico Rogério Micale falou em nobreza por parte do camisa 10. E aproveitou para explicar o porquê de tê-lo escolhido como dono do posto na seleção olímpica.

— É um gesto nobre dele. Antes do início dos Jogos, eu já tinha decidido que ele seria o capitão. Vi dentro do elenco que ele tinha a condição de assumir o posto. Agora, gostei do que ele fez de deixar o Tite à vontade para escolher o próximo capitão. Na seleção olímpica ele se mostrou um líder, um jogador muito dedicado — explicou.

Neymar fez o comunicado assim que desceu do pódio. O atacante explicou que a decisão não foi de momento. Ele já havia conversado sobre o assunto com a família.

— É uma coisa que já conversei com a minha família. A partir de hoje não quero mais ser capitão da Seleção.

Os companheiros de seleção olímica se mostraram surpresos.

— Neymar deixar de ser capitão? Não sabia. Não sei o porquê — disse um espantado Rafinha.

Martine e Kahena dão show, são ouro e fazem história na vela


BBvHX8n.img

Filhas de peixe, peixinhos são!

Martine Grael e Kahena Kunze confirmaram nesta quinta-feira, na Marina da Glória, no Rio, que o DNA das famílias para a vela segue forte em seus jovens. A dupla deu show, venceu uma disputa acirradíssima com as rivais neozelandesas Alex Maloney e Molly Meech na regata da medalha e levou o ouro na classe 49er FX.

Ouro histórico, jamais mulheres brasileiras tinham ficado com o lugar mais alto do pódio na vela. Vela que agora é responsável por 18 medalhas do Brasil em Jogos.

‘Ô Alemanha, pode esperar, a sua hora vai chegar’, canta Maracanã


braaa

Ao que parece, o orgulho em torcer pelo Brasil voltou com tudo na Olimpíada do Rio. E não haveria lugar melhor para a reconciliação: no Maracanã, um dos templos do futebol mundial, a torcida carioca deu um verdadeiro espetáculo – assim como o time de Neymar, Gabriel Jesus, Luan e companhia que bateu Honduras por 6 a 0. A reclamação de que a única canção da torcida na Copa do Mundo era o enfadonho “eu, sou brasileiro, com muito orgulho, com muito amor”, chegou ao fim. A música antiga até foi cantada, mas os cariocas também abusaram do bom humor com novas criações. Seguindo uma moda de pedir que a torcida local pule, comum na Itália e na Argentina, a torcida relembrou os grandes feitos do futebol nacional: “Sai do chão, sai do chão, quem é pentacampeão”.   De acordo com a Veja, também houve espaço para provocar aos maiores rivais. Aos argentinos, foram cantadas a já famosa “Mil gols, mil gols…só Pelé, só Pelé, Maradona cheirados”, e uma nova, ao ritmo de Tieta. “Eta, eta, eta, o Messi não tem Copa, quem tem Copa é o Vampeta, eta, eta”. Também repetindo uma tendência internacional, a canção Seven Nation Army, do White Stripes, foi cantada aos versos de “Eu sou brasileiro, não sou argentino, Ô, ô, ô, ô…” O recado mais debochado, porém, foi enviada aos vilões do 7 a 1 no Mineirão, que podem reencontrar o Brasil na final olímpica. “Ô Alemanha, pode esperar, a sua hora vai chegar”.

Brasil goleia Honduras por 6 a 0 e está na final do futebol masculino na Olimpíada


brasil

O Brasil vai disputar o ouro no futebol masculino pela quarta vez. A seleção goleou Honduras por 6 a 0 nesta quarta-feira e está na final da Olimpíada Rio 2016. A equipe do técnico Rogério Micale havia eliminado a Colômbia nas quartas de final com vitória por 2 a 0 e passou por cima dos hondurenhos com um gol-relâmpago aos 15 segundos de jogo, marcado por Neymar. Com a tranquilidade no placar, Gabriel Jesus marcou dois, Neymar fez mais um e Marquinhos e Luan completaram o placar. O adversário na decisão sai de Alemanha x Nigéria, que jogam às 16h.